20.5.17

AS ESTRELAS DE VIENA




São mais que perfeitas
de tão musicais

as estrelas de Viena.

No infinito
de língua nenhuma

acendem
noites e sons escritos.

Apuram a arte
sumptuosa de ouvir. 

J. Alberto de Oliveira