14.5.16

ÀS HORAS DE CHAMAR




Às horas benignas do pão
e de intuir a bênção

ouvia-se o interior do tempo.

Às horas em que se chamava
pelo nome de nascimento

eu entrava em casa.

Entrava pela porta do sossego
e dizíamos tudo em segredos.

J. Alberto de Oliveira

UM PONTO NA HERANÇA




Há um ponto na herança
que pronto me toca e me conta os passos como esmola.

J. Alberto de Oliveira