2.3.17

ANTÓNIO NOBRE



Tem os olhos encostados
ao ocidente.

António Nobre está só
e dado ao desassossego.

Há demasias de melancolia
a sangrar nele.

O poeta vai morrer só.

J. Alberto de Oliveira