27.12.16

UM ABRIGO




Os dias a vir sejam benignos ou, para melhor dizer, isentos de guerras e gritos de angústia.

Mas se ganância e lutas hediondas houver, já tenho refúgio: 
uma casinha com porta blindada de azul.
Fica lá para as terras de Vermodium. 

Na minha infância era o moinho onde me abrigava da chuva.

J. Alberto de Oliveira